MÚSICA BRASILEIRA, PATRIMÔNIO AMEAÇADO


MÚSICA BRASILEIRA, PATRIMÔNIO AMEAÇADOA música brasileira é um item fundamental do patrimônio cultural deste país. E isto porque o conjunto por ela representado constitui um bem imaterial portador de referência à identidade, à ação e à memória de diversos grupos formadores da sociedade nacional. Assim está escrito na Constituição Federal, em vigor desde 1988; e que recebeu o elogioso apelido de “Constituição Cidadã”, por ter devolvido aos brasileiros direitos de cidadania suprimidos desde 1964.

O mesmo texto constitucional que confere à nossa música esta condição superior, estabelece também que o Estado brasileiro, com a colaboração da sociedade civil, tem o dever de protegê-la e punir os causadores de danos e ameaças a este patrimônio.

Desde sua fundação, em 1980, a AMAR tem trabalhado em prol não só da preservação como do crescimento deste valioso acervo. E em seu trabalho tem conscientizado seus associados e alertado o poder público sobre a necessidade de defender a música nacional contra todas as ameaças que pairam sobre ela, desde o mercantilismo desenfreado até as deformações que lhe são impostas em atenção a interesses às vezes bem pouco musicais.

E esta é a mensagem que trazemos aos nossos associados, colaboradores e amigos nesta última edição da nossa Newsletter neste ano que se encerra. Lembramos que 2018 será mais um ano eleitoral. E assim as questões da música brasileira – algumas enfocadas a seguir, ao longo desta edição – devem ser pensadas com cuidado e respeito, tanto pelos postulantes a cargos eletivos quanto pelos eleitores.


Nº 144 | 20/12/17 | Pág. 1

By | 2017-12-21T01:59:32+00:00 20/12/2017|NEWS|1 Comentário

Um Comentário

  1. cintia maria 22/04/2018 em 15:21 - Responder

    Muito Interessante esse site, gostaria de parabenizar pelo ótimo conteúdo. Gostei muito e vou acompanhar toda semana as novidades e atualizações. beijos Cintia

Deixar Um Comentário Cancelar resposta